Mostrando postagens com marcador Livro. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Livro. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 4 de junho de 2018

Playlist para livros

Oi pessoal
Faz tempo que não tem música aqui no blog, não é? Por isso hoje trago uma playlist TAGde livros e resolvi fazer essa:

Uma musica que me faz chorar:

Como eu era antes de você + Stay With me

Fugindo do obvio de colocar Potograph aqui, ultimamente tenho chorado até ouvindo Teenager dream então essa foi dificil.

Uma musica longa demais

Cronicas de gelo e fogo + Faroeste Caboclo

Praticamente um livro do George R.R. Martin das canções!

Uma música que recomendo pra todo mundo

A lista de Brett + Runaway

Se você ainda não leu este livro, essa é a hora e se você gosta de Ronk 'n Roll essa música precisa ser ouvida.

Uma musica apaixonada

Série Bridgerton + Perfect

Essa série dá um quentinho no coração e me fez acreditar muito no amor e essa música é perfeita (desculpa o trocadilho) ainda mais se você sabe que o Ed Sheeran escreveu ela para a namorada!

Uma música nacional que me surpreendeu

Perdida + O sol

To viciada nessa música e a série Perdida eu li numa tacada só os 3 primeiros livros (faltam dois livros). Fui surpeendida positivamente pelos dois.



Gostaria muito que a minha Parceira Ale, do Estante da Ale, respondesse a TAG também!
Deixem nos comentarios a sua playlist.

quinta-feira, 1 de março de 2018

Sugestão de leitura: A prisão do rei

Oi Pessoal,

Finalmente atualizada na séria da Rainha vermelha, venho aqui contar para vocês o que achei do terceiro livro dessa quadrilogia.

O livro, assim como o anterior, inicia exatamente de onde terminou o anterior. Mare está na prisão do rei que um dia pensou ser um menino esquecido nas sombras e sofreu uma dura traição. Durante sua estadia em Archeon, onde se localiza o palacio de Maven, ela fica sem sua eletricidade, silenciada por algemas que a cada dia apagam um pouco de seu poder.

Enquanto Mare está na prisão, o lado da Guarda escarlate é contado por Cameron. A jovem recrutado em A espada de Vidro não tem mais Mare para força-la a ficar, porém não vai embora mesmo quando tudo que queria acontece.

Evangeline, a jovem antagonista em Espada de vidro, futura rainha e filha da Casa Samos, também ganha capitulos de ponto de vista e é mais aprofundada. Percemos em seus capitulos que por tras daquelas feições duras há uma garota apaixonada pela melhor amiga e que não tem controle sobre sua propria vida, presa em uma prisão invisivel, o medo da propria familia,

A familia acaba sendo um tema bastante abordado nesta etapa da história, devido ao que aconteceu no segundo livro.

O lado bom da prisão de Mare é que agora ela perdeu o medo de dizer o que sente, após ficar tanto tempo sem sentir sua eletricidade ela descobre o prazer libertador em poder conversar sobre o que pensa.

O relacionamento com Cal também evolui, mesmo com os novos temores que a prisão trouxe para Mare, ela não quer mais ficar sem ele. E isso é o que torna tão desolador a parte final do livro, fazendo com que eu deseja-se ter esperado um pouco mais para já ter a continuação aqui comigo.

A narrativa de Victoria ainda está um pouco arrastada, mas desta vez combinou bem para sentirmos como se estivessemos na prisão de Mavem com Mare. A garota eletrica acordou para um mundo muito maior que Norta e Victoria soube explorar bem o universo que criou, com pequenas pistas ao logo do livro. A autora soube até escutar os pedidos dos fãs e inseriu um pouco mais de romance e alivios comicos na história, que ajudaram no ritmo e não ficaram forçados. A série caminha para um fim épico, digo do universo criado para ela.


segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Sugestão de Leitura: Espada de Vidro

Oi Pessoal!

Faz um tempinho que não dou sugestão de leitura né? Mas eu não poderia deixar de sugerir o segundo livro da série Rainha Vermelha!

Eu adorei o primeiro então comprei o segundo e o terceiro quando lançou! E parece que a História continua.


Sinopse: Se sou uma espada, sou uma espada de vidro, e já me sinto prestes a estilhaçar.
O sangue de Mare Barrow é vermelho, da mesma cor da população comum, mas sua habilidade de controlar a eletricidade a torna tão poderosa quanto os membros da elite de sangue prateado. Depois que essa revelação foi feita em rede nacional, Mare se transformou numa arma perigosa que a corte real quer esconder e controlar.
Quando finalmente consegue escapar do palácio e do príncipe Maven, Mare descobre algo surpreendente: ela não era a única vermelha com poderes. Agora, enquanto foge do vingativo Maven, a garota elétrica tenta encontrar e recrutar outros sanguenovos como ela, para formar um exército contra a nobreza opressora. Essa é uma jornada perigosa, e Mare precisará tomar cuidado para não se tornar exatamente o tipo de monstro que ela está tentando deter.

A história começa exatamente onde terminou no primeiro livro. Espada de Vidro superou todas as minhas expectativas e ainda me deixou super-empolgada com a história. Preparem-se para um livro cheio de intrigas, aventuras, traições e dolorosas perdas. Mare não sabe em quem pode confiar e passa a desconfiar de todos, eles encontram novos aliados e durante os resgates correm muitos perigos.


A garota elétrica passa a ser encarada como uma líder e isso faz com que tenha que encarar o peso das decisões erradas que toma inúmeras mortes e uma guerra faz com que ela comece a ser arrogante e em alguns momentos cega para a conjuntura total da guerra.
O livro foi uma jornada de autoconhecimento, crescimento e aprendizado com as perdas.

Em alguns momentos senti muita raiva de Mare, ela tem uma dificuldade enorme de perceber quem está ou não do lado dela. E ao longo o livro o poder vai subindo a cabeça dela. Mas para saber se é o poder elétrico ou o poder, pois ela é vista como uma líder.

Eu gostei muito dos personagens secundários e quero muito saber mais sobre os sanguenovos que apareceram neste. Já comecei a ler o próximo e parece que tem capítulos contados por eles, conto na próxima resenha.


O final faz o coração dar um aperto e por isso fico feliz de já ter a continuação, que já estou lendo. Na narrativa Victoria Aveyard continua usando as referencias que destaquei na outra resenha, X-men, Jogos Vorazes e desta vez um pouco menos de A seleção. O universo criado é interessante e bem aventuresco. Acredito que a narrativa no inicio seja difícil, mas depois que a ação começa pra valer você não consegue mais parar.

terça-feira, 16 de janeiro de 2018

TAG dos clichês

Oi Pessoal!

Tirei uns dias de ferias para aproveitar aqui no Peru e o Blog acabou ficando sem posts, mas já está tudo normalizado!!

A TAG DOS CLICHÊS foi criada pela Maria Angélica do canal Vamos Ler e eu conheci através da Ju do Nuvem Literaria. Adoro TAGs e por isso vim aqui responder essa!

1. Quem eu escolho? (triângulo amoroso que você achou mais desnecessário)
"A Rainha vermelha". Eu até achava que a Maré combinava com o Cal, mas fazer ela ficar entre os dois irmãos, seria mais original se ela se apaixonasse por um e depois pelo outro, não ao mesmo tempo.

2. “Soltou o ar que não sabia que estava prendendo” (Última vez que leu a frase)
Acho que foi em Espada de vidro, mas não tenho certeza.

3. Oi, já te amo! (o instalove mais rápido)
Nerve, a menina já se apaixona no mesmo dia! Alias a história se passa em um dia.

4. Uma bigorna nos ombros (personagem que carrega a culpa do mundo)
Mare, de Rainha vermelha, ela acha que tem que salvar todo mundo o tempo todo, mesmo quando desiste disso ainda se sente mal e mesmo quando diz que não pode sentir isso ela sente.

5. Complexo do melhor amigo (aquele que sempre se apaixona por ou é a paixão do personagem principal)
Kilorn, em Espada de vidro...desnecessario e triste.

6. O intelectual (personagem super inteligente que lhe fez sentir estúpido)
Emma, Um dia.

7. Casal silêncio (falta de comunicação entre personagens)
Emma e Dexter, Um dia, leiam a resenha para entender.

8. O poderoso chefão (personagens jovens com cargos altos demais)
Cal, de A rainha vermelha, ele não estava preparado.

9. O engraçadinho chato (personagens escritos com a intenção de serem legais, mas só irritam)
Dexter, quase o livro todo.

10. Personagem principal coadjuvante (quando o livro é todo sobre o interesse romântico)
O conde enfeitiçado, o livro conta a historia da Francesca, mas pelo lado do conde.

11. Leitor do contra (clichê que você ama e não se cansa de ler)
Amores que começam com com brigas e discordia  eterminam de um jeito lindo!

sexta-feira, 22 de setembro de 2017

Sugestão de leitura: Um Dia

Oi Pessoal,

Não costumo trazer para vocês livros que não me deixam empolgada, mas estou com sentimentos conflitantes em relação à este e resolvi que preciso compartilhar essa minha angustia.

sexta-feira, 8 de setembro de 2017

TAG dos 50% - Sobre minha primeira metade do ano

Oi pessoal!

Encontrei essa TAG no blog da minha parceira Estante da Ale, sei que está meio tarde para fazer mas gostei taanto que não poderia deixar de lado. Vamos fazer um balanço do primeiro semestre.




1. O melhor livro que você leu até agora, em 2017:
Em algum lugar nas estrelas da Clare Vanderpool pela editora Darkside. Me surpreendeu



2. A melhor continuação que você leu até agora:
Só li duas continuações este ano..vou de Libelula no Ambar da série Outlander.


3. Algum lançamento do primeiro semestre que você ainda não leu, mas quer muito:
A prisão do rei! Já tenho aqui em casa mais ainda não li.


4. O livro mais aguardado do segundo semestre:
Não sou muito ligada em lançamentos, mas estou louca para ler Sorrisos Quebrados

5. O livro que mais te decepcionou até agora:
Star wars - O herdeiro do imperio. Pelo o que todos falavam eu achei que seria mais...não sei, mas poderia ter sido melhor.


6. O livro que mais te surpreendeu até agora:
Em algum lugar nas estrelas


7. Novo autor favorito (que lançou seu primeiro livro nesse semestre ou que você conheceu recentemente):
Terminei o livro da minha Parceira Alana Gabriela neste semestre e já estou doida pelos outros!

8. A sua quedinha por personagem fictício mais recente:
Gregory Bridgerton!

9. Seu personagem favorito mais recente:
Claire Fraser de Outlander




10. Um livro que te fez chorar nesse primeiro semestre:
Neste ano decidi ler livros que me deixem mais pra cima, o que mais me emocionou foi Em algum lugar nas estrelas.

11. Um livro que te deixou feliz nesse primeiro semestre:
Um amor escandaloso de Patricia Cabot

12. Melhor adaptação cinematográfica de um livro que você assistiu até agora:
Gente, essa é muito dificil! Eu vou dizer Estrelas além do tempo porque eu amei o filme.

13. Sua resenha favorita desse primeiro semestre:
Eu amei fazer a resenha de Em algum lugar nas estrelas

14. O livro mais bonito que você comprou ou ganhou esse ano:
Esse ano comprei varios livros lindos, o meu favorito foi a versão comemorativa de Harry Potter




15. Quais livros você precisa ou quer muito ler até o final do ano?
Bem dificl, mas quero ler a segunda parte de O resgate no mar, a Prisão do rei e Alien.


É isso! E vocês? Animados para esse segundo semestre? Até o final do ano teremos muuuuitas novidades!!!

segunda-feira, 26 de junho de 2017

20 anos de Harry Potter

Oi Pessoal,

Hoje, 26 de Junho, faz vinte anos do lançamento do primeiro livro de Harry Potter e como este blog é de uma Potterhead, teremos uma semana de posts sobre o tema!!!

Se você é novinho e não leu os livros....trate ler, porque é aquela leitura obrigatória para a vida. Uma história que vai muito além de feitiços e poções. É sobre amor, amizade, família e sobre crescer.
J.K. Rowling escreveu a história em uma viagem de trem e durante muito tempo tentou publica-la, felizmente uma editora aceitou e tudo acabou acontecendo.
Se você é mesma geração que eu e sente falta das histórias, precisa conhecer o site Pottermore, lá tem contos sobre o mundo bruxo, deixando um calorzinho no coração para os fãs dos livros.


Lá você pode descobrir a sua casa em Hogwarts, o Patrono, sua casa em Ilvermorny 
escola de magia dos E.U.A. e sua varinha. No site você também pode fazer parte do clube de leitura e ler ou reler os livros e explorar assuntos determinados.

sexta-feira, 23 de junho de 2017

Lançamento Editora Arqueiro: Nossa Musica

Oi Pessoal,

Ano passado ganhei de aniversário da Ale do Estante da Ale, o livro A História de nós dois (tem resenha aqui no Blog) e fiquei encantada com a narrativa da autora Dani Atikins. A editora Arqueiro lançou dia 05 de Junho o Terceiro livro da autora, Nossa música.


Sinopse: Ally e Charlotte poderiam ter sido grandes amigas se David nunca tivesse entrado em suas vidas. Mas ele entrou e, depois de ser o primeiro grande amor (e também a primeira grande desilusão) de Ally, casou-se com Charlotte.

Oito anos depois do último encontro, o que Ally menos deseja é rever o ex e sua bela esposa. Porém, o destino tem planos diferentes e, ao longo de uma noite decisiva, as duas mulheres se reencontram na sala de espera de um hospital, temendo pela vida de seus maridos. Diante de incertezas que achavam ter vencido, elas precisarão repensar antigas decisões e superar o passado para salvar aqueles que amam.

No site tem disponivel um trecho disponivel e já nas primeiras paginas a autora consegue nos prender e deixar tensos com os acontecimentos!

Já compraram o de vocês? Deixe nos comentários!

sábado, 20 de maio de 2017

Sugestão de leitura: Em Algum lugar nas estrelas

Oi Pessoal,

Demorei para postar sobre este livro tão lindo, mas chegou a hora, de falar de um livro que é o meu atual xodô. Em algum lugar nas estrelas.



quinta-feira, 27 de abril de 2017

Sugestão de leitura: A Guerra dos tronos

Oi Pessoal, fiz uma resenha de Guerra dos tronos, mas ficou com muita cara de Vale a pena ler Guerra dos tronos depois de ver a serie?

Vem ver.

quarta-feira, 19 de abril de 2017

sexta-feira, 14 de abril de 2017

Lançamento Alana Gabriela - Coroa de Ferro e Trono de Espinhos

Oi Pessoal!

A autora parceira do blog, Alana Gabriela (já falei dela aqui) acaba de lançar mais um livro!!! E vejam só que sinopse mara! Eu já to doida pra ler! Acho que passarei na frente dos outros!


sábado, 1 de abril de 2017

Resenha - Flor de Cerejeira

Oi Pessoal,

Saiu a resenha de Flor de Cerejeira, da Parceira Alana Gabriela, no canal do Tear. Se ainda não leu o primeiro post venha aqui.


Nota do livro:

domingo, 26 de março de 2017

Lançamento Darkside:The Beauty of Darkness

Oi Pessoal,

Eu ainda não tive a chance de ler Kiss of Deception e sua continuação, mas a linda da Caveirinha me enviou um release com o novo lançamento: THE BEAUTY OF DARKNESS



quarta-feira, 22 de março de 2017

Lançamento Darkside: Abominação

Oi Pessoal,

No inicio do  ano contei para vocês minha intenção de mudar um pouco os estilos de livros que leio. No final de março a Darkside lança mais um livro que já estou louca para ler! Abominação.


quarta-feira, 15 de março de 2017

Sugestão de Leitura: Série Os Bridgertons - Um Beijos inesquecível.

Oi Pessoal,

Adiei o quanto pude para trazer este post, mas não posso mais deixa-los esperando. Hoje trago o último Bridgerton que li seguido! Por sorte ainda faltam dois livros da série, então teremos mais deles aqui, além da série do quarteto da Smythe Smith.

sábado, 4 de março de 2017

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Dica de série: Desventuras em Série

Oi Pessoal,

Acabei (finalmente) a nova série da Netflix. A série "Desventuras em séries" é baseada nos livros de Lemony Snicket ( pseudonimo de Daniel Hnadler) estreiou dia 13 de Janeiro na Netflix e eu demorei para escrever sobre ela aqui no blog, pois queria assistir com atenção e isso levou um tempo. Também revi o filme para fazer uma comparação.

Vi este video na CCXP e fiquei super empolgada para a assistir, se você ainda não viu, corre na Netflix para ver!



Sinopse: Os órfãos Baudelaire são três irmãos muito inteligentes; Violet é a mais velha, Klaus é o irmão do meio e Sunny é a mais nova, com três anos. Quando seus pais morrem, eles passam a morar com diferentes tutores, e o primeiro é Conde Olaf, que irá tentar roubar a enorme herança deixada pelos pais.

O elenco é recheado de bons atores, mas o astro da série é o Neil Patrick Harris, que interpreta o malvado Conde Olaf. A responsabilidade de fazer o mesmo papel que Jim Carrey era grande e na minha opinião Neil se saiu muito bem. Diferente do filme a série não tem um tom cômico, mas bem lúdico.
O narrador aparece e ajuda a dar a mesma sensação que nos livros, a sensação de que algo grande acontecerá e, assim como os Baudelaire, quem assiste é inteligente e pode ir ligando os pontos. Assim como nos livros o narrador faz pequenas interrupções na ação e é interessante como ele foi inserido no contexto de uma série de tv, onde você consegue ver o que acontece e dispensaria a necessidade de um narrador.

A série trabalha dois episodios por livro e isso deu mais tempo para adaptar a história de cada volume. Tia Josephine, a terceira tutora, continua sendo a pior personagem da história das personagens e a única que eu torço para que o Conde Olaf se livre logo (sim eu sou má).

Já assistiram a série? Não??!! Corre lá, que esta é imperdível!




quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Sugestão de leitura: A história de nós dois


Emma é uma jovem 27 anos que prestes a se casar com o seu primeiro namorado. Apos ficar um período longe da cidadezinha onde nasceu, ela volta para ajudar o pai a cuidar da esposa, a mãe está com Alzheimer.
No dia de sua despedida de solteira, Emma e suas melhores amigas e madrinhas, Caroline e Amy, sofrem um acidente de carro. Caroline e Emma são salvas por Jack e Emma passa a ter sentimentos conflitantes por seu salvador, ela não sabe se é gratidão ou se está se apaixonando.
Enquanto todos vão se adaptando a falta de Amy, Emma vai descobrindo segredos da amiga que a fazem se perguntar quem são as pessoas que ela sempre confiou e o que quer da vida.
Jack é um escritor americano que fica encantado com Emma logo que a vê e desde o inicio minha torcida foi para ele. Richard, noivo, tem um jeito simples e não combina com a alma sonhadora e exploradora de Emma.
Isso, alias, foi uma das coisas que me incomodou. Todos parecem ter uma visão que é preciso nascer e morrer no mesmo lugar. Richard não parece acompanhar o ritmo da Emma, enfim minha torcida ficou com Jack.